Um dia, você estava fazendo sua rotina de skincare quando notou que alguns dos produtos usados estavam com a validade vencida. E agora, o que pode acontecer com a sua pele? Utilizar maquiagens e dermocosméticos fora do prazo pode causar uma série de reações, como alergia, dermatite e inflamações próximas às regiões dos olhos e mucosas. Para entender melhor o que fazer depois de aplicar esses produtos na pele e como preservá-los para ter uma vida útil prolongada, o DermaClub conversou com a dermatologista Tatiana Matos, de Salvador, que esclareceu os principais cuidados.

Problemas que produtos de beleza vencidos podem causar à pele

Uma vez vencidos, os produtos de beleza podem sofrer oxidação, como é o caso da vitamina C, e mudanças no pH. A Drª Tatiana explica que essas mudanças podem causar uma série de malefícios à pele: “O produto vencido pode provocar uma alergia, causando placas vermelhas e descamações, além de transmitir infecções por bactérias e, principalmente, por fungos”. Veja outras complicações que podem acontecer:

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

“O que devo fazer se tiver usado um produto vencido sem perceber de imediato?”

Quando você usar um produto com a validade vencida, é importante ter uma atitude rápida para que ele não cause nenhuma reação à pele. A especialista recomenda: “A pessoa deve lavar imediatamente o local com muita água e sabão neutro! Caso haja alguma mancha, vermelhidão ou nódulo, o paciente deve procurar rapidamente a ajuda do dermatologista”.

Vermelhidão, coceira: regiões que são mais suscetíveis a reações

Olhos e mucosas são áreas que mais precisam de atenção, já que possuem bastante sensibilidade e, por isso, acabam sendo mais sujeitas a reações. Dessa forma, evite utilizar itens como lápis de olho, rímel e sombras vencidas para prevenir qualquer inflamação que possa causar terçol e até mesmo conjuntivite. Já nas mucosas, os efeitos mais comuns são vermelhidão e sensação de ardência.

Saiba como aumentar a vida útil dos seus itens de beleza

Se você quer prolongar a vida útil dos seus produtos favoritos, a dermatologista indica: “Guardá-los em local seco e arejado, sempre usar esponjas e pincéis limpos e fechar bem após o uso para evitar o contato prolongado do conteúdo com o ar”. Confira outras dicas:

  • Evite deixá-los no banheiro, devido à umidade e calor típicos do ambiente, que ajudam a acelerar o processo de degradação dos dermocosméticos e cosméticos;
  • Para evitar a proliferação de bactérias, mantenha os seus pincéis sempre com a higienização em dia;
  • Na maioria dos casos, quando há alteração na cor, textura ou odor do produto, pode estar na hora de jogá-lo fora.

Gostou das dicas? Coloque-as em prática para alcançar ainda mais saúde para sua pele, e, qualquer dúvida, não deixe de contatar algum dermatologista!

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.