Não há como negar: as estrias costumam ser algo bastante incômodo para a maioria das mulheres! Essas linhas brancas ou vermelhas são cicatrizes motivadas pela ruptura das fibras de colágeno e elastina na pele, muitas vezes, devido à falta de hidratação. Para quem deseja amenizar essas marcas, existem alguns tratamentos bem eficazes e o DermaClub separou informações sobre esses procedimentos para você. Confira e tire sua dúvidas!

1) Esfoliação e peeling físico

A maioria dos tratamentos para estrias visa proporcionar a renovação da pele e otimizar a produção do colágeno, como a esfoliação e os peelings físicos. Esses cuidados eliminam as células mortas e promovem o crescimento de novas. Além disso, também ajudam a estimular a produção de fibras de colágeno e elastina, amenizando as estrias vermelhas.

2) Ácido retinoico

Derivado da vitamina A, o ácido retinoico é uma substância muito usada para tratar estrias de maneira tópica. O ativo melhora a produção de colágeno e as fibras elásticas, diminuindo o comprimento e largura das cicatrizes. Embora seja eficaz, o ingrediente traz um pouco de sensibilidade à pele, causando vermelhidão e descamação. Sendo assim, o ideal é fazer uso do produto junto com um hidratante para amenizar a irritação.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

3) Peeling químico

Esse tratamento possui a mesma ação do peeling físico, porém de uma forma mais profunda na pele. Geralmente, o dermatologista faz uso de ativos que provocam uma descamação local, de modo a que a renovação celular ocorra de forma mais intensa e completa. Em alguns casos, o peeling também pode ser associado a sessões de dermoabrasão, que ajudam na produção de colágeno, promovendo a uniformização da pele.

4) Laser fraccionado

Junto à luz pulsada, esse é o tratamento que traz resultados mais eficazes e de sucesso. O laser fracionado gera pequenas áreas de dano térmico sobre as estrias e a área próxima, que proporciona a cicatrização do tecido lesado e promovendo a produção de colágeno.

E a carboxiterapia? O que é? O procedimento é seguro na eliminação das estrias?

É a aplicação de injeções de gás carbônico na pele que ajuda a eliminar estrias e outros incômodos no corpo, como celulite, gordura localizada e até flacidez. A aplicação de CO2 (gás carbônico) distende o tecido da cicatriz e proporciona a formação de colágeno.

Embora existam muitas pessoas que procuram por esse tratamento, a carboxiterapia não é uma técnica recomendada pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Ela não tem nenhuma comprovação de segurança ou eficácia e é considerada apenas como um procedimento experimental.

Por isso, antes de tomar qualquer atitude, procure um dermatologista para realizar o tratamento correto.