A vitamina B5 é o ácido pantotênico, mais conhecido como pantenol, muito famoso pela sua ação anti-inflamatória e por promover renovação da pele. Além dos alimentos, como legumes, verduras e carnes magras, esse ingrediente pode ser encontrado nos dermocosméticos em conjunto com outros ativos hidratantes, como o ácido hialurônico, deixando a pele mais bonita e saudável. Para entender melhor a função desse ativo, o DermaClub conversou com a dermatologista Vanessa Metz, do Rio de Janeiro. Confira!

A vitamina B5 está naturalmente presente no nosso organismo

De acordo com a médica, essa vitamina, além dos dermocosméticos e alimentos, é produzida naturalmente pelo próprio organismo humano, especificamente pela flora intestinal. “Daí a importância de se manter hábitos saudáveis, como evitar a ingestão de alimentos industrializados que contribuem para o enfraquecimento de bactérias intestinais”, esclareceu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Conheça os benefícios da vitamina B5 para a pele e cabelo

No geral, a vitamina B5 ajuda a manter a pele saudável e com excelente aparência. “Ela ajuda a retardar o aparecimento dos sinais de envelhecimento precoce, como rugas e manchas da idade”, afirmou. Alguns estudos também têm demonstrado que a vitamina B5 desempenha um papel importante na pigmentação do cabelo, impedindo o surgimento dos fios brancos por bastante tempo. Além disso, a vitamina B5 auxilia a cicatrização e melhora a renovação da pele, responsáveis pela geração de tecido conjuntivo após a lesão.

O ácido pantotênico, como também é conhecida a vitamina B5, aumenta significativamente os níveis de glutationa (tripeptídeo constituído por três aminoácidos, ácido glutâmico, cisteína e glicina) nas células, atuando como um potente antioxidante na pele. “O crescimento dos níveis de glutationa protege contra danos oxidativos das membranas celulares, reduzindo os efeitos dos danos causados pelo sol, poluentes e outros agressores da pele. Isso pode ajudar a reduzir os sinais de envelhecimento, prevenir rugas, e até mesmo defender contra o câncer de pele”, explicou.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.