A vitamina C é considerada um dos mais eficazes antioxidantes responsáveis por neutralizar os radicais livres, causadores do envelhecimento precoce da pele. Além de ser um ativo fundamental na rotina de cuidados de todo paciente e possuir uma série de benefícios, muita gente ainda tem dúvidas sobre o uso dessa substância presente na formulação de vários dermocosméticos. Pensando nisso, o DermaClub entrevistou a dermatologista Tatiana Matos, de Salvador, que esclareceu as 5 principais questões sobre o uso desse ingrediente para o rosto. Confira!

1) A vitamina C pode ser usada de manhã?

Na verdade, a vitamina C pode ser usada tanto de manhã, quanto à noite. Entretanto, a médica afirma que o mais indicado é que a substância seja utilizada logo no primeiro horário para acompanhar o uso do filtro solar. “Isso porque a associação do filtro com o antioxidante vai otimizar a proteção da pele contra os efeitos nocivos da radiação”. A utilização diurna da vitamina C também ajuda a combater os danos da poluição.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

2) A única função da Vitamina C na pele é como antioxidante?

De acordo com a Dra. Tatiana, a Vitamina C promove muitos benefícios além de ser um excelente antioxidante. “Ela reduz os danos causados pelos radicais livres e previne o envelhecimento precoce”. A Vitamina C ainda estimula a produção de colágeno melhorando os primeiros sinais – aqueles já existentes – como linhas finas ao redor dos olhos, e ainda auxilia no clareamento da pele, proporcionando uma pele mais uniforme e luminosa.

3) É melhor usar a Vitamina C na forma tópica ou oral?

As duas formas de uso são importantes, mas a dermatologista garante: “Quando a vitamina C é usada de forma tópica, há uma ação local otimizada, proporcionando um efeito mais direto na pele”. Para garantir um melhor resultado, opte por produtos com vitamina C pura ou que contenham outros antioxidantes na formulação, como a vitamina E, Phloretin e o ácido ferúlico.

4) A vitamina C é mais indicada para qual tipo de pele?

Segundo a Dra. Tatiana, a vitamina C pode ser usada em todos os tipos de pele . Não há nenhum limitação ao uso da substância. Sendo assim, todos podem aproveitar os seus benefícios diariamente. Entretanto, é importante usar o dermocosmético com a textura ideal para o seu tipo de pele.

Para peles oleosas, acneicas ou mistas, use bases mais leves ou aquosas. Quem possui a região mais seca ou com tendência ao ressecamento, produtos oleosos com alta emoliência são os mais adequados. Porém, um veículo excelente para todos os tipos de pele é a textura sérum. Ela é suave, rapidamente absorvida e não deixa uma sensação desagradável sobre a pele. Além disso, permite o uso em conjunto com outros produtos, como hidratantes, clareadores e filtro solar.

5) Quem tem pele negra pode usar produtos com vitamina C?

É claro que sim! “Qualquer fototipo pode se beneficiar do uso da vitamina C, principalmente pessoas de pele negra, já que vão apresentar uma maior uniformidade de sua tonalidade natural com o uso da substância”, concluiu.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.