Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Como usar ácido sem ressecar a pele? Dermatologista explica os melhores cuidados

É possível usar ácido sem ressecar a pele? Confira a matéria e entenda! / Foto: Shutterstock
É possível usar ácido sem ressecar a pele? Confira a matéria e entenda! / Foto: Shutterstock

Entrevista com Dra. Carolina Reato Marçon, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Produtos relacionados

Os ácidos são grandes aliados do rejuvenescimento cutâneo. Eles promovem uma pele mais uniforme, lisa, fina, firme com menos rugas e mais luminosidade, além de reduzir a visibilidade dos poros. Ao contrário do ácido hialurônico - que ajuda na hidratação da pele -, existem alguns tipos de ácidos que podem causar um certo tipo de ressecamento no rosto, deixando a região sensível e com sinais de irritação. Embora seja uma reação comum da pele no início do tratamento, ter a região muito seca pode causar incômodo e gerar problemas, como rachaduras, manchas vermelhas e ardência. Sendo assim, como podemos usar ácido sem ressecar a pele? A dermatologista Carolina Marçon, de São Paulo, contou as dicas para o DermaClub.

Quais são efeitos dos ácidos na pele?

Ácido retinóico, retinol, ácido glicólico e ácido salicílico: sabe o que eles têm em comum? Dependendo da administração e concentração todos promovem com maior ou menor intensidade a renovação celular da pele, mas seu uso também pode causar ressecamento na pele. De acordo com médica, “esses ácidos possuem ação queratolítica - que remove as camadas mais superficiais da pele - promovem a renovação celular e uma ação despigmentante pela própria esfoliação que eles causam na pele, reduzindo manchas. Os ácido também proporcionam uma ação que estimula o colágeno, melhorando o aspecto da pele”, esclareceu.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Resumindo: esses ácidos podem ser usados no tratamento de acne, fotoenvelhecimento e manchas - tudo isso em diferentes concentrações, produtos e combinações com outros ativos ou não.

Consequências que os ácidos podem causar à pele

- Ressecamento;
- Sensibilidade;
- Vermelhidão;
- Ardência;
- Descamação da pele.

Como usar ácido sem ressecar a pele:

Para evitar que os ácidos ressequem a sua pele, a dermatologista indica alguns cuidados: “É importante associar o tratamento com o uso de produtos que reparem a barreira cutânea e promovem a retenção de água na pele, ou usar essas substâncias em dias alternados”. Assim conseguimos balancear o ressecamento e a sensibilidade.

3 cuidados com a pele durante o uso de ácido:

- Usar um hidratante mais potente várias vezes ao longo do dia;
- Alternar os dias de uso dos ácidos até a pele se acostumar;
- Aplicar o protetor solar todos os dias, investindo em um FPS alto.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 17 de Junho de 2019
Modificada em: 22 de Julho de 2021

Dra. Carolina Reato Marçon

Palavra do Dermatologista

Dra. Carolina Reato Marçon

CRM: 113.379

Especialização em Clínica Médica e Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Médica Colaboradora do Setor de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Coordenadora do Programa Pró-Albino; Fellowship em Cosmiatria - Dr. Zoe Draelos, Carolina do Norte - EUA; Fellowship em Tricologia - Universidade de Bolonha, Itália - Prof. Antonella Tosti; Fellowship em Dermatoscopia e Microscopia Confocal - Universidade de Modena / Reggio Emilia, Itália; Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, da Academia Americana de Dermatologia e do Colégio Ibero-Latinoamericano de Dermatologia

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Produtos com ácidos: como evitar a irritação da pele? Confira a opinião de uma dermatologista

Dermatologista

Harmonização facial: o que é? Quais os prós e contras desse procedimento estético?

Harmonização facial: o que é? Quais os prós e contras desse procedimento estético?

Dermatologista

Sérum: ácido hialurônico, vitamina C, ácido salicílico, retinol... qual é o mais indicado para a pele oleosa?

Sérum: ácido hialurônico, vitamina C, ácido salicílico, retinol... qual é o mais indicado para a pele oleosa?

Dermatologista

Vitamina C e retinol: como incluir os ativos na mesma rotina de skincare para otimizar o tratamento de manchas

Vitamina C e retinol: como incluir os ativos na mesma rotina de skincare para otimizar o tratamento de manchas

Dermatologista

Como tratar manchas escuras na pele do pescoço? Skincare com vitamina C, ácido tranexâmico e protetor solar

Como tratar manchas escuras na pele do pescoço? Skincare com vitamina C, ácido tranexâmico e protetor solar

Dermatologista

Como usar ácido tranexâmico para melasma? Veja a melhor forma de incluir o produto na rotina de skincare

Como usar ácido tranexâmico para melasma? Veja a melhor forma de incluir o produto na rotina de skincare

Dermatologista

Últimas Matérias

Neurodermatite: o que é? Como tratar? É a mesma coisa que dermatite atópica? Dermatologista explica Dermatite de contato: o que é, quais os sintomas e como tratar as bolinhas na pele que coçam O que é rosácea: tratamento e controle das manchas vermelhas na pele com skincare e procedimentos O que é psoríase gutata? Dermatologista explica os sintomas de psoríase e como tratar a doença de pele Kit skincare outono/inverno com Cicaplast Baume B5 e Cicaplast Lábios para prevenir a pele ressecada Água termal para rosácea, dermatite atópica... 5 doenças de pele em que o produto é necessário
Ver mais

escolha a loja de sua preferência