Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

MINÉRAL 89 30ML DE R$119,90 POR R$99,90. APROVEITE AGORA

Posso esfoliar o rosto todos os dias? Saiba como esfoliar corretamente para remover células mortas da pele

Entenda se esfoliar a pele do rosto todos os dias pode fazer mal / Foto: Shutterstock
Entenda se esfoliar a pele do rosto todos os dias pode fazer mal / Foto: Shutterstock

Entrevista com Dra. Sineida Berbert Ferreira , membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Na rotina de cuidados com a pele do rosto, existe um passo que não pode ficar de fora: a esfoliação. Indispensável, esse hábito ajuda eliminar as células mortas da superfície da pele, uniformizando a sua textura e recuperando a luminosidade. No entanto, uma dúvida persiste: o ritual pode ou deve ser repetido todos os dias? Para esclarecer a questão, o DermaClub entrevistou a dermatologista Sineida Berbert, do Paraná. Confira!

Quais os benefícios da esfoliação para a pele?

Seja ela física - com acessórios como escovas ou buchas, ou dermocosméticos com micropartículas esfoliantes - ou química - com ácidos descamativos, a esfoliação traz inúmeros benefícios para a pele. Segundo a dermatologista, esse hábito promove a eliminação das células mortas e da camada córnea da pele, proporcionando uma pele mais macia, lisa e uniforme, pronta para a hidratação. “Além disso, a esfoliação ajuda a renovação celular da pele, melhorando a aparência da pele e favorecendo os tratamentos de manchas, acne e pele oleosa, uma vez que promove a absorção dos produtos”, explicou a médica.

Mas, afinal, podemos esfoliar o rosto todos os dias? Qual a frequência adequada?

De acordo com a Drª Sineida, não se deve, de jeito nenhum, repetir esse hábito todos os dias. Isso porque, dependendo do produto, os agentes esfoliantes podem criar pequenos cortes na pele, que podem abrir espaço para a criação de infecções. Além disso, o ritual também pode acabar comprometendo a camada hidrolipídica da pele, deixando a epiderme exposta às agressões externas, ficando mais sensível e até ressecada. “O ideal é realizar a esfoliação uma vez por semana. Em peles muito oleosas ou muito espessas, podemos repetir duas vezes na semana. Quanto às secas, devem, obrigatoriamente, aplicar um hidratante potente logo em seguida”, entregou a médica.

Confira o passo a passo de uma esfoliação adequada na rotina de cuidados com a pele

Em casa, o ideal é usar um produto dermocosmético com partículas microesfoliantes, pela praticidade e segurança do mesmo. As escovas faciais elétricas ou manuais, também podem ser boas alternativas, no entanto, é importante usá-las apenas algumas vezes na semana e com muito pouca pressão.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Para saber como usar o seu dermocosmético esfoliante, a Drª Sineida deu algumas dicas. Confira:

1. Aplique o produto na pele úmida com movimentos suaves e circulares, exercendo uma leve pressão, com cuidado para não machucar a pele;

2. Em seguida, remova com água e o seu produto de limpeza facial;

3. Após a esfoliação é fundamental a hidratação de pele, mesmo nas peles oleosa. Nestas deve se dar preferência a produtos em gel ou sérum;

4. Se o ritual for feito de dia, aplicar o protetor solar.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 14 de Setembro de 2018
Modificada em: 22 de Maio de 2019

Dra. Sineida Berbert Ferreira

Palavra do Dermatologista

Dra. Sineida Berbert Ferreira

CRM: 12283

Médica graduada pela Universidade Federal Fluminense do Rio de Janeiro e com Residência Médica em Dermatologia clinica e cirúrgica pela mesma universidade -UFF. Título de especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia da SBD. Título de especialista em Hansenologia pela SBH. Título especialista em dermatologia pela AMB. International Fellow American academy of dermatology. Proprietária e diretora clínica da clínica de Dermatologia Dra Sineida Berbert Ferreira em Maringá -Pr. Membro do conselho científico da Psoríase Brasil. Autora livro “Doutor eu tenho muito suor “- Grupo Gen - AC farmacêutica - 2000.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Água termal no tratamento da psoríase realmente funciona? Confira a opinião de uma dermatologista

Água termal no tratamento da psoríase realmente funciona? Confira a opinião de uma dermatologista

Dermatologista

Vitamina C, ácido hialurônico, ácido glicólico... Quais substâncias podem ser usadas no sol e na praia?

Vitamina C, ácido hialurônico, ácido glicólico... Quais substâncias podem ser usadas no sol e na praia?

Dermatologista

Vitamina B3 (niacinamida): o que é? Conheça a substância e o que ela pode fazer pela sua pele

Vitamina B3 (niacinamida): o que é? Conheça a substância e o que ela pode fazer pela sua pele

Dermatologista

Queimadura solar pode se tornar uma mancha? Dermatologista esclarece o assunto

Queimadura solar pode se tornar uma mancha? Dermatologista esclarece o assunto

Dermatologista

Rosácea, sensibilidade, dermatite: 5 problemas na pele que surgem com o desequilíbrio do microbioma

Rosácea, sensibilidade, dermatite: 5 problemas na pele que surgem com o desequilíbrio do microbioma

Dermatologista

Dermatite atópica no verão: como cuidar? Dermatologista indica uma rotina de skincare

Dermatite atópica no verão: como cuidar? Dermatologista indica uma rotina de skincare

Dermatologista

Últimas Matérias

Microbioma da pele: o que é? Entenda o que são cuidados prebióticos, probióticos e pós-bióticos Esfoliante para o couro cabeludo: ajuda com a caspa? Resseca o cabelo? 4 mitos e verdades sobre o assunto Queratina: o que é? Qual é a função da queratina nos cabelos? Como usar na rotina de cuidados capilar? SOS lábios: cuidados e procedimentos para deixar a sua boca ainda mais bonita Os riscos da limpeza de pele excessiva: efeito rebote, irritação... Confira os principais Óleo de Melaleuca (Tea Tree Oil): para que serve? É seguro? Quais os benefícios para a pele oleosa?
Ver mais