Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Queda de cabelo: COVID pode causar esse problema? Como tratar e deixar os fios mais fortes após a doença?

Veja se a covid realmente pode causar a queda de cabelo e como tratar
Veja se a covid realmente pode causar a queda de cabelo e como tratar

Entrevista com Dra. Carolina Reato Marçon, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

“COVID causa queda de cabelo?” Essa vem sendo uma dúvida bastante comum nos consultórios dermatológicos. Entre as várias sequelas que o coronavírus pode deixar, a queda de cabelo é uma das mais discutidas entre os pacientes que já tiveram a doença. Para entender se a perda de cabelo neste caso é uma realidade, o DermaClub conversou com a dermatologista Carolina Marçon. Veja o que a médica disse sobre essa preocupação e o que fazer para evitar e tratar a perda dos fios pós-covid.

Quem teve COVID pode sofrer com a queda de cabelo por conta da doença?

A queda de cabelo não acontece à toa. De acordo com a especialista, existe um motivo para que isso ocorra depois do paciente contrair o coronavírus: “Toda vez que temos um estresse orgânico (qualquer tipo de alteração significativa do funcionamento do organismo), isso reflete no sofrimento do folículo, a região do couro cabeludo que dá origem ao cabelo, ocorrendo a queda de cabelo chamada de eflúvio telógeno”.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

A Dra. Carolina conta que o fio de cabelo passa por um ciclo que é resumido em três fases: anágena (de crescimento), catágena (de transição) e telógena (de queda). Cerca de 20% do nosso cabelo está naturalmente na última etapa, o que reflete na perda de 100 fios por dia. Mas a situação muda no momento em que passamos por algum problema de saúde, como a COVID-19: “Quando o nosso organismo passa por um tipo de estresse orgânico, uma porcentagem dos fios que estão na fase anágena, passa automaticamente para a telógena e isso faz com que o cabelo caia mais do que o esperado”.

A especialista detalha um pouco mais do que se trata esse estresse orgânico: “Excesso de alimentos industrializados, alterações emocionais, mudança no estilo de vida, sedentarismo, uso de medicamentos antidepressivos, além da própria COVID que acaba causando uma inflamação do organismo podem causar esse problema”, esclareceu.

É possível tratar a queda de cabelo pós-covid?

Produtos relacionados

O tratamento para a queda de cabelo pós-covid envolve a recuperação do fortalecimento dos fios. A Dra. Carolina indica alguns cuidados para manter os cabelos mais fortes: “Ter uma alimentação mais rica em nutrientes, controlar o estresse com a prática de atividades físicas, meditação e yoga, além de visitar um dermatologista para a realização de exames para entender como anda a saúde do seu organismo”. Outro ponto que pode ajudar nessa melhora, é adotar uma rotina de cuidados com o cabelo com produtos antiqueda .

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 08 de Dezembro de 2021
Modificada em: 10 de Junho de 2022

Dra. Carolina Reato Marçon

Palavra do Dermatologista

Dra. Carolina Reato Marçon

CRM: 113.379

Especialização em Clínica Médica e Dermatologia pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Médica Colaboradora do Setor de Dermatologia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo; Coordenadora do Programa Pró-Albino; Fellowship em Cosmiatria - Dr. Zoe Draelos, Carolina do Norte - EUA; Fellowship em Tricologia - Universidade de Bolonha, Itália - Prof. Antonella Tosti; Fellowship em Dermatoscopia e Microscopia Confocal - Universidade de Modena / Reggio Emilia, Itália; Membro Titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia, da Academia Americana de Dermatologia e do Colégio Ibero-Latinoamericano de Dermatologia

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Como diminuir espinhas? Conheça nutrientes e ativos para cuidar da pele oleosa e evitar a acne

Como diminuir espinhas? Conheça nutrientes e ativos para cuidar da pele oleosa e evitar a acne

Acne e espinha

Produtos para pele oleosa: conheça os 4 melhores para combater a oleosidade, cravos e espinhas

Produtos para pele oleosa: conheça os 4 melhores para combater a oleosidade, cravos e espinhas

Acne e espinha

Como acabar com as espinhas? Veja algumas opções de tratamentos para sua skincare

Como acabar com as espinhas? Veja algumas opções de tratamentos para sua skincare

Acne e espinha

É verdade que as espinhas no rosto são mais comuns no verão? Por quê?

É verdade que as espinhas no rosto são mais comuns no verão? Por quê?

Acne e espinha

Retinóides: saiba como essas substâncias regulam a oleosidade da pele e ajudam a evitar cravos e espinhas

Retinóides: saiba como essas substâncias regulam a oleosidade da pele e ajudam a evitar cravos e espinhas

Acne e espinha

Vitamina C para pele oleosa e com acne: qual é o produto mais indicado?

Vitamina C para pele oleosa e com acne: qual é o produto mais indicado?

Acne e espinha

Últimas Matérias

Qual a melhor vitamina C para pele? Tudo o que o produto precisa ter para transformar sua rotina de skincare Ácido hialurônico: benefícios da substância para todos os tipos de pele Niacinamida pode usar de dia? O melhor momento para incluir esse produto na rotina de skincare Pele oleosa: como cuidar? Quais erros na rotina de skincare podem piorar a oleosidade da pele? Qual é o melhor creme para rugas? Tudo o que o produto precisa ter para combater o envelhecimento da pele Sensibilidade no couro cabeludo: o que pode causar? Veja como tratar esse problema
Ver mais

escolha a loja de sua preferência