Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Microagulhamento para o tratamento de cicatrizes de acne: como é feito? Funciona? Dermatologista esclarece

Saiba tudo sobre o tratamento de cicatrizes de acne com microagulhamento / Foto: Shutterstock
Saiba tudo sobre o tratamento de cicatrizes de acne com microagulhamento / Foto: Shutterstock

Entrevista com Dra. Lilia Guadanhim, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Nos últimos tempos, o microagulhamento tem chamado bastante a atenção de quem busca a solução para cuidar da aparência da pele do corpo e, principalmente, do rosto. O procedimento pode ser aplicado em diferentes tipos de problemas, mas um dos que mais tem chamado a atenção é o tratamento de cicatrizes de acne. Para entender melhor como funciona o microagulhamento nesse caso, o DermaClub conversou com a médica Lilia Guadanhim, de São Paulo, que esclareceu todas as dúvidas sobre o tema. Confira!

O que é microagulhamento?

O microagulhamento é um tratamento estético que serve para remover cicatrizes de acne, disfarçar manchas, rugas ou linhas de expressão da pele, através de uma estimulação natural feita com micro-agulhas que penetram na derme favorecendo a formação de novas fibras de colágeno, que dão firmeza e sustentação à pele.

De acordo com a médica, “o dispositivo usado para o tratamento pode ser um rolinho ou uma caneta específica, com agulhas de número e comprimento variável de acordo com cada caso”. A profissional alerta, também, que somente médicos especialistas, dermatologistas ou cirurgiões plásticos devem realizar o microagulhamento. “Costumo fazer uma analogia entre o rolinho de agulhas e um pincel. Ele é apenas um instrumento, o resultado depende da habilidade e do treinamento do “artista”, podendo ser uma obra prima ou uma verdadeira catástrofe”.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Como o microagulhamento funciona para o tratamento de cicatrizes de acne?

Para cuidar das cicatrizes de acne, o procedimento pode ser realizado em consultório, com anestésico em creme ou injetável e com pressão variável. É importante lembrar que o grau de desconforto varia de acordo com o paciente, com o dispositivo usado, com a escolha anestésica e com a intensidade da injúria. Assim como o desconforto, o tempo de recuperação também é variável: “Na maioria dos casos, a pessoa não precisa se afastar de suas atividades diárias, mas eventualmente é necessária uma semana para que a pele volte ao normal”, explicou.

Que cuidados devemos ter com a pele após o procedimento?

Depois de fazer o microagulhamento, a pele precisa receber cuidados especiais durante algum tempo. “Os principais pilares são a proteção solar e a hidratação, além de um higienizador suave”, afirmou a médica. Além disso, cremes clareadores receitados pelo dermatologista podem ser usados no pré e pós procedimento para evitar manchas na pele. É importante escolher um protetor solar com amplo espectro e adequado para peles sensíveis e pele oleosa, assim como um hidratante com vitamina B3, que possui ação prebiótica,,,, além disso, água termal é excelente para aliviar o desconforto pós-procedimento.

O resultado é definitivo?

Felizmente, o resultado é permanente. “Uma vez que o trauma das agulhas estimula a produção de colágeno pelo próprio paciente, as cicatrizes ficam mais superficiais, mais estreitas e os poros mais fechados”, finalizou. No entanto, vale lembrar que, para resultados mais expressivos, são necessárias de 3 a 5 sessões, dependendo do caso.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 08 de Março de 2019
Modificada em: 04 de Junho de 2019

Dra. Lilia Guadanhim

Palavra do Dermatologista

Dra. Lilia Guadanhim

CRM: 133850

Formação em Medicina, Residência Médica em Dermatologia e Especialização em Cosmiatria pela Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo. Possui título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associação Médica Brasileira, além de ser membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da International Dermoscopy Society. Tem especializações em Cosmiatria - Toxina Botulínica e Preenchimento na França e Dermatoscopia - Oncologia Cutânea na Itália. É médica colaboradora da Unidade de Cosmiatria da Escola Paulista de Medicina - Universidade Federal de São Paulo.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Retinol B3 de La Roche-Posay: o primeiro retinol em sérum adaptado para peles sensíveis

Retinol B3 de La Roche-Posay: o primeiro retinol em sérum adaptado para peles sensíveis

Retinol

Vitamina B3 (niacinamida): o que é? Conheça a substância e o que ela pode fazer pela sua pele

Vitamina B3 (niacinamida): o que é? Conheça a substância e o que ela pode fazer pela sua pele

Retinol

Retinol e vitamina C: saiba se esses ativos devem ou não ser misturados

Retinol e vitamina C: saiba se esses ativos devem ou não ser misturados

Retinol

Retinol pode ser usado na pele sensível? Dermatologista esclarece

Retinol pode ser usado na pele sensível? Dermatologista esclarece

Retinol

Guia completo do retinol: o que é, como usar na rotina de cuidados com a pele, pode ser usado de dia? Saiba +!

Guia completo do retinol: o que é, como usar na rotina de cuidados com a pele, pode ser usado de dia? Saiba +!

Retinol

Rotina de pele diurna e noturna: veja que produtos usar em cada hora do dia e previna o envelhecimento precoce

Rotina de pele diurna e noturna: veja que produtos usar em cada hora do dia e previna o envelhecimento precoce

Retinol

Últimas Matérias

Heróis da vida real: relato de um dermatologista que trabalha na linha de frente contra a COVID-19 Rotina de skincare na quarentena para cada tipo de pele + dicas para cabelo e corpo Aparelhos removedores de cravos: funcionam? Quais os riscos? Como remover de forma segura e como evitar Coceira na pele após o banho: entenda porque isso acontece e como tratar Conheça Lipikar Baume AP+M, da La Roche-Posay: o novo creme de hidratação profunda e ação anti-coceira Uso de máscara de proteção e skincare: dermatologista explica como adaptar a rotina durante a quarentena
Ver mais