Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Tratamento de psoríase com fototerapia: como funciona + dicas para lidar com a doença

Conheça os benefícios da fototerapia pra o tratamento ds psoríase
Conheça os benefícios da fototerapia pra o tratamento ds psoríase

Entrevista com Dra. Carolina Zaparoli , membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

A psoríase é uma doença de pele que acomete cerca de 1,5% da população brasileira, segundo dados da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). Ela pode se manifestar em diferentes regiões do corpo - inclusive nas unhas - e acomete tanto homens quanto mulheres. Além das terapias tradicionais, existe um método que tem dado o que falar: o tratamento com fototerapia. Para esclarecer o assunto, o Dermaclub conversou com a dermatologista Carolina Zaparoli. Confira!

O que é psoríase?

De acordo com a médica, a psoríase é uma doença inflamatória crônica recorrente, de base imunogenética e que não é contagiosa. Relativamente comum, essa doença de pele ainda não possui causas totalmente definidas, mas sabe-se que seu surgimento está diretamente ligado à baixa imunidade e à predisposição genética. Ou seja, se houver histórico da doença na família, as chances do paciente desenvolver esse quadro clínico são altas, então é sempre bom ter o acompanhamento de um profissional.

Já conhece o clube de vantagens DermaClub? Com ele, você terá muito mais motivos para cuidar da sua pele. Acesse o link, cadastre-se no programa e aproveite os benefícios!

Os sintomas da psoríase podem variar, já que existem diferentes tipos e, portanto, diferentes formas da doença se manifestar em cada caso. “A mais comum é a psoríase em placas, que se apresenta a partir de placas vermelhas descamativas - geralmente simétricas - nos membros, couro cabeludo e região sacral”, destaca a especialista. Além disso, ela ressalta que pode acometer tanto as unhas quanto as mucosas, e apresentar prurido de grau variado. Entretanto, é importante ficar de olho em outros sintomas, como feridas com pus, inchaço nas articulações, coceira e queimação na pele.

Tratamento de psoríase com fototerapia: conheça essa solução para a doença

Segundo a dermatologista, um dos tratamentos possíveis para a psoríase é através da fototerapia. Essa técnica consiste na exposição da pele à luz ultravioleta de forma consistente, ou seja, na prática, a região afetada pela psoríase é submetida aos raios, mas de forma totalmente controlada. Dessa forma, é possível melhorar o aspecto da pele e reduzir as placas causadas pela doença. E ainda tem mais: todo o processo é indolor e de custo relativamente baixo. Bem legal, né? No entanto, vale lembrar que é importante que o procedimento seja supervisionado por um médico para evitar qualquer tipo de transtorno.

Outros tratamentos para psoríase + dicas para lidar com a doença

Conforme a dermatologista explica, é possível melhorar a condição do paciente através da exposição solar, desde que essa seja feita de maneira consciente nos horários indicados e sempre com o uso de protetor solar de FPS 30 ou superior. Além do mais, optar por hidratantes emolientes e/ou umectantes também é uma ótima alternativa para reduzir a progressão da doença ou melhorar o seu aspecto.

Sobre o tratamento, cabe ao médico responsável avaliar e identificar a melhor metodologia para cada caso. Além da fototerapia, também são indicadas substâncias de uso tópico (corticoides, calcipotriol, imunomoduladores, retinóides) e até medicamentos sistêmicos, de acordo com Carolina.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 12 de Janeiro de 2021
Modificada em: 12 de Janeiro de 2021

Dra. Carolina Zaparoli

Palavra do Dermatologista

Dra. Carolina Zaparoli

CRM: 111.618

Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia/SBD, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e AMB, formada pela Universidade Metropolitana de Santos , realizou residência em dermatologia no Hospital Guilherme Álvaro em Santos. Atua na área de Dermatologia clínica, estética, cirúrgica e laser. Participa de todos os principais congressos para estar sempre atualizada nos melhores tratamentos para seus pacientes.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

Clarear olheiras, tratar rugas: conheça 4 benefícios da cafeína para a pele dos olhos

Clarear olheiras, tratar rugas: conheça 4 benefícios da cafeína para a pele dos olhos

Tratamento de pele

Posso fazer peeling no verão? Quais são os cuidados a ter com a pele após o procedimento estético?

Posso fazer peeling no verão? Quais são os cuidados a ter com a pele após o procedimento estético?

Tratamento de pele

Dermatite perioral: tratamento, causas, sintomas e cuidados para se ter com esse tipo de dermatite no rosto

Dermatite perioral: tratamento, causas, sintomas e cuidados para se ter com esse tipo de dermatite no rosto

Doenças de pele

Mancha no buço: como tirar? O que pode ser? Dermatologista explica as causas e tratamentos para o problema

Mancha no buço: como tirar? O que pode ser? Dermatologista explica as causas e tratamentos para o problema

Tratamento de pele

Eczema, dermatite atópica, psoríase: entenda as diferenças entre cada doença de pele

Eczema, dermatite atópica, psoríase: entenda as diferenças entre cada doença de pele

Doenças de pele

Alergia, micose ou dermatite atópica: saiba como diferenciar cada uma dessas doenças de pele

Alergia, micose ou dermatite atópica: saiba como diferenciar cada uma dessas doenças de pele

Doenças de pele

Últimas Matérias

Rotina de skincare da pele mista: passo a passo do ritual diurno e noturno, da limpeza profunda à hidratação Como diminuir a oleosidade do cabelo: produtos e cuidados para tratar a caspa, coceira e dermatite seborreica Quanto tempo demora para sair uma espinha interna? Como tratar a acne sem causar manchas na pele Escova de limpeza facial (FOREO): como usar? Como limpar? Dermatologista dá dicas de como higienizar e cuidar Ácido hialurônico é bom para pele oleosa? Dermatologista esclarece a questão Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?
Ver mais