Vem pro clube! quer ganhar descontos o ano todo e ainda trocar seus pontos por produtos? cadastre-se

ja faz parte
do clube?

como comprar

ainda não faz
parte do clube?

cadastre-se

Vem pro clube! É rápido, fácil e grátis. CADASTRE-SE

Bolinhas no corpo: o que são? Quais são as causas? É foliculite ou alergia? Saiba como tratar

Está com bolinhas vermelhas espalhadas pelo corpo? Entenda o que pode ser!
Está com bolinhas vermelhas espalhadas pelo corpo? Entenda o que pode ser!

Entrevista com Dra. Tatiane Curi, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia

Você tem notado o surgimento de bolinhas no corpo? Isso pode ser um sinal de alerta! Acontece que existe uma série de quadros, como foliculite, rosácea e alergia na pele, que podem se manifestar através desse sintoma. Ainda que seja bastante incômodo, as bolinhas no corpo conseguem ser tratadas e até mesmo prevenidas com alguns cuidados simples e o tratamento adequado. Para entender melhor, o DermaClub conversou com a dermatologista Tatiane Curi, de São Paulo, que contou as principais causas desse problema e as formas de tratá-lo. Veja só!

Como surgem as bolinhas no corpo?

Conhecidas como bolinhas vermelhas, as lesões em pápulas eritematosas surgem em diferentes partes do corpo, especialmente no rosto, pescoço, braços e pernas. De acordo com a dermatologista, a presença dessas marcas pode estar ligada a diversos motivos. “Bolinhas no corpo é um termo muito amplo que pode representar alergia, foliculite, miliárias ou outros tipos de lesões inflamatórias, como a urticária. Além disso, elas também podem aparecer em resposta a algum tipo de reação irritativa ou inflamatória na pele, como a acne”, afirma a Drª Tatiane. Nesse caso, existem alguns fatores que podem facilitar o surgimento das bolinhas no corpo, como agentes agressivos, atrito em determinadas regiões e pele ressecada.

As principais causas das bolinhas no corpo

As bolinhas no corpo podem ser causadas por vários estímulos: como atrito, pelos encravados, falta de hidratação na pele, predisposição genética, alimentos, medicamentos e outros. Pensando nisso, nós reunimos os principais deles abaixo de acordo com a dermatologista:

- Foliculite: a doença inflamatória é decorrente da inflamação do folículo piloso - região de onde sai o pelo - e gera as bolinhas em áreas como a virilha, barba, região do couro cabeludo, nádegas e pernas. “Podem ser decorrentes de pelos encravados, pelos grossos e mais de um pelo no mesmo folículo. Além disso, o uso frequente de roupas apertadas e justas também podem causar o "entupimento" do folículo e, consequentemente, as bolinhas no corpo”.

- Miliária: também conhecida como “brotoeja”, o quadro é caracterizado pela presença de inúmeras bolinhas vermelhas que podem apresentar água ou pus devido ao atrito pela oclusão das glândulas de suor. “Essas bolinhas no corpo são comuns em bebês recém-nascidos, já que tendem a ficar mais cobertos e transpirar em regiões específicas, como pescoço, tórax, dorso e o rosto”.

- Eczema ou dermatite: são reações inflamatórias na pele que aparecem em pacientes mais alérgicos, sensíveis e com pele ressecada. Nesse caso, é comum que as bolinhas no corpo aumentem no inverno devido ao excesso de banhos quentes e falta de hidratação da pele. “Podem aparecer desde bolinhas vermelhas que coçam, tornando-se placas vermelhas e até descamativas”.

- Acne e rosácea: comuns em quem possui a pele oleosa, essas doenças inflamatórias podem influenciar no surgimento das bolinhas no corpo antes mesmo de iniciar a inflamação.

- Queratose pilar: são aquelas bolinhas rosadas que aparecem na região lateral e de trás dos braços. “Nesse caso, as bolinhas no corpo são causadas por predisposição genética e podem inflamar se espremidas como cravos”.

- Alergia na pele: reações alérgicas podem apresentar inúmeras manifestações clínicas, incluindo as bolinhas vermelhas e coceira. “A alergia e, consequentemente, as bolinhas no corpo podem ser causadas por alimentos, medicamentos, cosméticos, produtos de limpeza e outros fatores”.

Conheça as opções de tratamento para as bolinhas no corpo

Justamente por serem causadas por fatores diversos, as bolinhas no corpo podem (e devem!) ser tratadas de maneiras específicas. Por isso, Tatiane adianta: para iniciar o tratamento é necessário fazer um diagnóstico correto e buscar medidas que evitam a causa que desencadeia esse sintoma. Veja abaixo:

- Foliculite: evitar roupas apertadas, fazer uso de sabonetes queratolíticos (que promovem renovação celular), tópicos com anti-inflamatórios e cremes com antibióticos. Em alguns casos, a depilação a laser também pode ajudar, assim como cremes com ácidos ou esfoliantes leves.

Produtos relacionados

- Miliária: optar por roupas mais frescas e arejadas e incluir o uso de cremes com ação anti- inflamatória e água termal na sua rotina pode ajudar a amenizar o quadro.

- Eczema: nesse caso, a hidratação com produtos específicos e emolientes é o primeiro passo para eliminar as bolinhas no corpo. Em caso de prurido e crostas, o uso de anti-inflamatórios em forma de corticoides também pode ser recomendado.

Produtos relacionados

- Acne e rosácea: o tratamento pode variar de acordo com o grau da acne e da rosácea. Geralmente, evitar fatores desencadeantes, como cosméticos gordurosos e fazer uso de géis queratolíticos, seborreguladores ou antimicrobianos, pode contribuir para o tratamento do quadro.

- Queratose pilar: o uso de cremes com ureia e alguns tipos de ácidos pode evitar o excesso de acúmulo de queratina que resulta nas bolinhas no corpo. Além disso, é importante evitar o atrito na região das lesões para garantir um bom tratamento.

- Alergia na pele: geralmente, o uso de anti- histamínicos e corticoides orais e/ou tópicos resolvem a alergia e os seus sintomas, incluindo as bolinhas no corpo.

Produtos relacionados

É possível prevenir as bolinhas no corpo?

Tudo vai depender dos fatores que causam as bolinhas no corpo. No entanto, manter a integridade da barreira cutânea é a principal forma de diminuir as chances dessas lesões aparecerem. Para isso, é importante ter em mente que a hidratação e a proteção são cuidados que devem fazer parte da sua rotina. “Nesse caso, o uso de hidratantes sem essências, sem conservantes, sem álcool na formulação e com o mínimo de ativos possível são os mais indicados”, afirma a especialista. Além disso, vale ressaltar que evitar fatores desencadeantes dessas bolinhas, como atrito e roupas apertadas, também é fundamental.

*Os dermatologistas especialistas são consultados como fontes jornalísticas e não se utilizam deste espaço para a promoção de qualquer produto ou marca. Para saber qual é o tratamento ideal para a sua pele, consulte um dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Publicada em: 12 de Março de 2021
Modificada em: 16 de Abril de 2021

Dra. Tatiane Curi

Palavra do Dermatologista

Dra. Tatiane Curi

CRM: 108107

Medica, Dermatologista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia. Especializada em Cosmiatria pela Universidade de Santo Amaro, com título de especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e Associacao medica Brasileira. Também é sócia efetiva da sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatologia. Além disso, é medica do corpo clinico do Hospital Sírio Libanes - SP.

Ficou com dúvidas?

Encontre aqui o seu dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia mas perto de você!

recomendadas para você

5 coisas que acontecem com a pele no inverno: dermatite, ressecamento, rosácea... veja as queixas mais comuns

5 coisas que acontecem com a pele no inverno: dermatite, ressecamento, rosácea... veja as queixas mais comuns

Corpo

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Foliculite: o que é? É um tipo de acne? Posso usar os mesmos produtos para cravos e espinhas?

Corpo

Loção Hidratante x Creme Hidratante Cerave: conheça cada um e entenda as diferenças

Loção Hidratante x Creme Hidratante Cerave: conheça cada um e entenda as diferenças

Corpo

Rotina prática de hidratação corporal: 4 dicas para quem não tem tempo a perder

Rotina prática de hidratação corporal: 4 dicas para quem não tem tempo a perder

Corpo

Alergia, micose ou dermatite atópica: saiba como diferenciar cada uma dessas doenças de pele

Alergia, micose ou dermatite atópica: saiba como diferenciar cada uma dessas doenças de pele

Alergia

Coceira na pele após o banho: entenda porque isso acontece e como tratar

Coceira na pele após o banho: entenda porque isso acontece e como tratar

Alergia

Últimas Matérias

Dermatologista indica como fazer limpeza de pele profunda em casa com segurança Efeito lip tint: conheça a técnica flow lips que hidrata os lábios e dá aquele aspecto natural de boca rosa Como fazer o cabelo crescer: 8 produtos e cuidados que vão acelerar o crescimento dos fios #AcnePositivity: conheça o movimento que apoia a autoaceitação de espinhas Psoríase leve, moderada, grave: conheça os graus da doença de pele e como tratar as manchas vermelhas no corpo Shampoo para caspa: como usar e escolher o melhor produto para tratar a coceira na cabeça?
Ver mais